O conceito de lote escorado deriva da aula anterior, sobre como operar paredões. No entanto, como você mesmo constatará na prática, é muito raro algum player posicionar um grande lote aparente e simplesmente bloquear uma tendência. Isso porque os big players preferem atuar de forma discreta, pois ser notado em suas estratégias pode não ser tão interessante assim. Contudo, ainda que as atuações sejam discretas, é absolutamente impossível ingressar em um ativo com muitos lotes e não interferir na dinâmica dos negócios. No fim, de alguma forma, um paredão acaba sendo formado, seja por meio de lotes escondidos (ordens icebergs) ou de execuções gradativas com robôs VWAP/TWAP, por exemplo.

Uma vez que você identifica uma dessas forças, fica mais fácil saber qual lado tem mais chances na briga, como aqueles garotos na escola que arrumavam confusão tendo um irmão mais velho para dar conta de sua retaguarda (nunca foi o meu caso). Então, na prática, se você identifica zonas de proteção ou forças tendenciais nítidas, geradas pela atuação dos players através do book de ofertas e times & trades, basta se posicionar usando-os como “escora” caso um movimento contrário tente derrubar você. Contudo, uma vez que perceba que essa retaguarda não está mais lá, trate de sair da operação o quanto antes.