O hábito de comerciantes reunirem-se para a realização de negócios com mercadorias remonta à Roma Antiga. Alguns historiadores dizem que tudo começou no chamado Collegium Mercatorum, em Roma Outros afirmam que essa história de bolsa de negociação começou na Praça do Comércio Marítimo (conhecida como Empórion), na Grécia, e outros ainda acreditam que tudo tenha começado nos Bazares Palestinos, conhecidos como Funduks.

Divergências históricas a parte, o que se sabe de fato é que as primeiras bolsas parecidas com as que temos hoje no mundo surgiram no século XV em Bruges, na Bélgica, em 1487 na casa de um rico comerciante de nome Van der Burse (daí a palavra bursátil), onde se faziam transações de compra e venda de moedas, letras de câmbio e metais preciosos.

E daí para frente as bolsas foram evoluindo até tornarem-se o que conhecemos hoje.

Passada a era do pregão viva voz, onde os operadores literalmente ficavam gritando suas ofertas de compra e venda - pensa num times and trades narrado com som (e bem alto), hoje tudo ocorre no silêncio de modernos escritórios espalhados por todo o globo.

Como é possível perceber, a Bolsa de Valores é um ambiente especificamente construido para a negociação de valores mobiliários.

Em tempo: valores mobiliários são títulos de dívida (como Títulos do governo ou Debêntures, por exemplo) ou de propriedade (como Ações).

E quando falamos em ambiente, estamos nos referindo propriamente a um sistema informatizado. Sim, a Bolsa de Valores é um grande software que recebe ofertas de compra e de venda das Corretoras e promove o encontro dos que querem comprar com os que querem vender.

No ambiente de Bolsa é possível comprar e vender Ações, ETFs, Fundos Imobiliários, Contratos Futuros, Opções, BDRs e diversos outros ativos financeiros.

Dentro das Bolsas há também o chamado mercado de balcão, onde certos títulos e valores mobiliários são negociados, mas não como as ações.

Entre os ativos negociados no mercado de balcão temos:

  • Debêntures
  • Direitos de subscrição
  • Quotas de fundos fechados de investimento
  • CRIs - Certificados de Recebíveis Imobiliários

As bolsas de todo o mundo possuem um papel fundamental no desenvolvimento de qualquer país. Elas possibilitam que empresas de diversos portes obtenham financiamento para seus projetos de crescimento, o que irá favorecer a geração de emprego e renda, estimulando assim o consumo e portanto retroalimentando este modelo que faz crescer a economia de forma ininterrupta.


Você gostou dessa aula? Ela faz parte do Plano TNT, o plano educacional do Portal do Trader desenvolvido para quem quer operar na Bolsa de Valores, mas já entendeu que não existem fórmulas mágicas nem soluções milagrosas para o mercado.

Se já ficou claro para você que o único caminho viável para resultados consistentes na Bolsa é através do conhecimento e do compromisso, então, chegou a hora de conhecer os benefícios do acesso completo ao nosso Plano.

O Plano TNT não possui paralelos em abrangência, profundidade, metodologia e experiência dos professores e oferecemos tudo isso por um preço extremamente acessível e sem fomentar ilusões. Se essa ideia faz sentido para você, descubra agora mesmo tudo o que o acesso completo ao Plano TNT oferece.