Este é um indicador do tipo semáforo, ou seja, dependendo de seu sinal, autoriza ou não eventos.

Mas, antes de explicarmos o BW, temos que entender de onde ele surgiu. Ele foi criado a partir de um setup chamado Alligator (Jacaré) do trader Bill Williams. Esse setup nada mais é do que a colocação de três médias móveis suavizadas no gráfico: MM5, MM8 e MM13. A ideia do Alligator é que, quando as médias estão emboladas, o jacaré está dormindo e, portanto, ele não faz nada. Quando o jacaré acorda, ele abre a boca fazendo as médias alinharem-se – para cima ou para baixo – e, então, pode-se caçar.

Na realidade, o jacaré é basicamente um sistema seguidor de tendência, que detecta o momento em que o preço deixa a congestão (jacaré dormindo – não fazemos nada) e entra em tendência (jacaré acordado – "hora de ir caçar").

Então, para não ficar aquela confusão de linhas no gráfico, o criador do BW – cujo nome completo é BW-wiseMan-1 (olha que chique!) – substituiu as linhas, adaptou cálculos e posicionou no gráfico bolinhas que ora aparecem debaixo do preço, ora aparecem acima do preço.

Mas o aparecimento das bolinhas não significa que você deva comprar ou vender. Lembre-se de que ele é um indicador de semáforo, ou seja, um autorizador.

Então, quando aparecer uma bolinha rosa acima do preço, você estará autorizado a começar a caçar (lembra do jacaré?) algum setup que dê entrada na venda.

Quando aparece uma bolinha azul (abaixo do preço), você estará autorizado a caçar alguma operação no lado da compra.

Ou seja, embora o indicador não o autorize a entrar em operação nenhuma, ele facilita a sua vida, dizendo em que direção você deve operar.

Infelizmente, esse indicador só está disponível para o Metatrader. Mesmo assim, vale a pena ter um gráfico aberto (o Metatrader costuma ser gratuito) apenas para ver as autorizações dadas pelo BW.

Você pode baixá-lo no link: https://www.mql5.com/pt/code/2163

Então, uma vez dada a indicação de para onde se deve operar, você pode usar o seu setup favorito para entrar em uma operação. Larry Williams, PC de compra ou venda, LTA e LTB e tantos outros setups interessantes que poderão garantir operações bastante lucrativas.

 BW com Bandas de Bollinger

 Uma das formas de utilizar o BW é como reforço de setups que utilizem Bandas de Bollinger. As aulas de Bandas de Bollinger do TNT oferecem diversos setups interessantes: FFFD (Fechou Fora – Fechou Dentro), Divergência de MACD, Estocástico, cruzamento de preço sobre a banda central, etc.

Você pode utilizar o BW como um apoio à uma ideia de trade. Digamos, por exemplo, que você busca um FFFD. A ideia desse setup é que os preços afastaram-se muito da média móvel e devem retornar em breve. No entanto, às vezes, os preços não chegam a tocar na banda e já andam no sentido que você imaginava antes mesmo de fazer o FFFD.

Então, se você tem o BW no gráfico e ele estiver autorizando operações na compra, você pode buscar, por exemplo, um padrão de candles que suporte uma operação.

Digamos, por exemplo, que o BW está autorizando você a buscar operações de compra. Então, o preço chega muito perto da banda inferior e deixa um harami (ou engolfo, ou martelo ou qualquer padrão altista). Você poderá entrar nesse harami com mais segurança.

Outra ideia é você utilizar dois tempos gráficos. Por exemplo, 15 min e 5 min. Você pode usar o BW no tempo gráfico maior (no caso, 15 min) e, uma vez autorizada a busca por operações de, por exemplo, compra, você desce para o gráfico de 5 min e procura entradas usando as Bandas de Bollinger nesse prazo operacional.

 

Como se vê, as formas são muitas. Cabe a você testar as possibilidades, fazer os backtests necessários, validar um operacional, treinar e começar a utilizar.