O universo do trading e investimentos financeiros talvez ofereça uma das atividades mais democráticas quando o assunto é o perfil de quem está operando. Ao contrário de muitas outras áreas que cobram alguma vocação prévia, o mercado de renda variável apresenta um leque tão amplo de possibilidades que podemos dizer que existe espaço para qualquer tipo de pessoa. Portanto, a pergunta certa a se fazer seria como eu posso definir um estilo operacional alinhado com o meu perfil?

Em anos atuando com milhares de investidores, posso dizer que é bastante comum as pessoas começarem sua jornada no trading por um caminho específico e acabarem se consolidando em outro completamente diferente. Portanto, não se preocupe (nem se julgue) caso decida mudar seu foco no mercado ao longo da sua trajetória. É fato que todos nós precisamos começar de alguma forma, pois só a experiência prática nos dirá o que é mais adequado, e por mais que tentemos usar alguns traders como referência, isso não costuma ser uma boa tática para criar uma identidade operacional definitiva, pois nada é mais importante para definir o perfil de um trader do que suas características pessoais.

Não existem dois traders iguais, da mesma forma que não existem dois jogadores de futebol iguais. Nunca haverá outro Pelé, Neymar, Messi ou Cristiano Ronaldo por um motivo muito simples: talento não se copia, desenvolve-se. Outro exemplo está na nossa própria forma de escrever. Um mesmo método de alfabetização é aplicado a milhares de alunos; contudo, no final do ensino básico, cada criança tem um ritmo de leitura próprio, uma caligrafia diferente e uma maneira única de se manifestar por meio da escrita. Então, não seria diferente no trading, onde cada trader é influenciado por seu próprio histórico de vida, que define sua tolerância a perda, paciência, disciplina, persistência entre muitas outras características que, inclusive, definirão a escolha de ativo, técnicas e período de operação.

É claro que você pode adequar seu perfil para tentar se encaixar em alguns moldes, mas saiba que muitas mudanças em nossa estrutura comportamental possuem uma certa limitação e cobram um alto preço emocional, podendo causar estresse e drenar toda a motivação com o tempo. Só para citar alguns exemplos, seria como obrigar uma pessoa comunicativa a exercer uma tarefa introspectiva ou forçar uma pessoa extremamente regrada e detalhista a adotar um estilo de análise qualitativa e subjetiva. Então, entenda que é mais fácil buscar atuações condizentes com a sua personalidade do que tentar moldar a sua personalidade para atuações específicas. Trata-se de um exercício que requer muito mais olhar para si do que para o mercado e exigirá uma boa dose de autoconhecimento.

A boa notícia é que existe uma ampla variedade de técnicas, ativos e modalidades operacionais, então, se você for persistente em sua busca, certamente encontrará os elementos no mercado que atendam o seu perfil, e aqui volto a dizer que o mercado é extremamente democrático. Aliás, ele não só permite que você seja quem realmente é, como vai premiá-lo se usar suas qualidades a seu favor. Por isso, gaste suas energias ao longo das próximas aulas para focar naquilo com o que se sentir mais à vontade, independentemente de como as suas referências atuam, pois é bem provável que você acabe se desenvolvendo como um trader completamente diferente e é justamente por isso que este treinamento conta com um time de ótimos profissionais, porém com perfis diferentes. Faça bom proveito dessa variedade!