Quando no mar, faça como os tubarões.

Quando dissemos que os preços descontam tudo, referimo-nos – obviamente – à análise gráfica. Tudo o que um candle mostra sintetiza a soma do conhecimento e das expectativas de todos os operadores do mercado. Muitos desses operadores – a maioria, aliás – são grandes empresas gestoras de fundos, grandes bancos, players internacionais que sabem muito bem o que estão fazendo.

Esses grandes são chamados de tubarões. E nós, as sardinhas. Tubarões comem sardinhas. Entretanto, há um peixe que o tubarão gosta muito – não para comer, obviamente. São as rêmoras. Se você olhar para qualquer filme que mostra tubarões em atividade, notará que eles invariavelmente estão cercados por peixes de pequeno porte que ficam ali nadando junto com os tubarões.

Notará também mais duas coisas: a primeira é que tubarões não comem rêmoras. Elas são úteis porque fazem a limpeza dos tubarões. São elas que limpam seus dentes do resto de comida (você sabe como é chato ficar com um pedaço de bife enganchado no seu pré-molar).

A outra coisa que notará é que a rêmora fica junto dos tubarões justamente na hora em que eles vão comer. Elas são espertas – sabem que onde há tubarões, há comida.

Isso trás para nós, traders, duas lições importantes:

  • Lição número 1: não queira lutar contra os grandes players – você será jantado sem dó, nem piedade. É mais esperto ir junto com eles e fazer o que eles estão fazendo.
  • Lição número 2: vá somente na hora da "bóia". Traduzindo para o nosso mercado, só entre quando tiver fluxo. Você certamente conhece muita gente que perdeu um monte de dinheiro insistindo em operar em um dia de feriado nos EUA e na China.

E como fazer para ser como um tubarão?

Bem, os tubarões sabem onde a comida está, a que horas ela aparece (ou onde ir encontrá-la) e que estratégias são as mais efetivas para capturar a comida de que necessitam.

Faça o mesmo! Para fazer isso, você precisa se municiar de informações que mostrem onde e quando os grandes fluxos acontecem Se você opera swing trading, acompanhe os fundamentos das empresas para saber se os investidores estão em fluxo comprador ou vendedor em relação àquela empresa.

Mas, se você opera futuros financeiros como índice, dólar e juros, deverá acompanhar todos os movimentos de mercados correlacionados para detectar momentos de fluxo.  Notícias também influenciam muito os movimentos desses mercados.

Se você opera agrícolas, acabará se tornando um especialista em previsão do tempo, em políticas econômicas e fluxos na bolsa de Chicago.

Municiando-se de notícias e do calendário econômico, estará sendo como o tubarão que sabe exatamente onde e como a comida aparece. Se você souber isso, se acompanhar o fluxo do investimento estrangeiro (o Portal do Trader pública esse relatório todos os dias de manhã em seu site), saberá para onde vai o dinheiro.

Assim, para seu próprio bem e para o bem do seu bolso, deixe de ser sardinha – seja rêmora.

Aqui está o link para você conhecer o programa completo do Curso TNT

https://portaldotrader.com.br/programa-tnt