Planejamento

Um bom planejamento é essencial para quem deseja colocar em prática uma ideia desafiadora. Por isso, trabalhar em cima da elaboração de um plano de ação detalhado pode ser a grande diferença entre se tornar um trader bem-sucedido ou morrer tentando. Pensando nisso, elaboramos algumas dicas que podem lhe ajudar na hora de a criar um trading plan.

  • Reflita sobre a sua realidade – em primeiro lugar, é importante saber que um day trader precisa de disponibilidade de tempo, recursos financeiros e conhecimento. Por isso, se alguns desses recursos estão em falta para você, trate de conseguí-los, pois serão essenciais para o seu sucesso. Vale ressaltar que, para se operar day trade, é preciso estar na frente da tela acompanhando o mercado em tempo real com exclusividade, ou seja, esqueça a ideia de operar somente no horário de almoço (será um fracasso). Sobre o dinheiro, ainda que o day trade não exija um capital gigantesco, é preciso ter uma reserva financeira para cobrir eventuais perdas, custos operacionais e até treinamentos (o principal atalho para quem deseja evoluir mais rápido). Em outras palavras, apenas o dinheiro da margem de garantia por contrato (pouco menos de 100 reais) não é suficiente para lhe manter no mercado durante seu período de aprendizado.
  • Defina onde você quer chegar – uma vez que conhecemos o nosso ponto de partida, é hora de definir o ponto de chegada. É possível usar o day trade para obter uma renda extra, viver exclusivamente disso, gerir um bônus financeiro, etc. Cada objetivo vai exigir um determinado tempo e esforço para ser empregado, além disso, quanto mais ousada a meta, provavelmente maior será o tempo para cumprí-la. Definir esses pontos é importante para que não ocorram frustrações desnecessárias no meio do caminho. E aqui vai uma dica: pense em uma "causa" (qualidade de vida, liberdade, flexibilidade, etc), não em uma meta específica, pois isso ajuda a manter o foco em um horizonte sem se abalar emocionalmente. "Fazemos muita coisa por dinheiro, mas só somos capazes de dar a vida por uma causa", por isso, defina a sua causa.
  • Estabeleça três metas básicas para o seu desenvolvimento: 1. não perder dinheiro operando no simulador – a primeira grande lição do mercado é se manter vivo; portanto, controlar perdas deve ser o foco de todo trader iniciante; 2. não perder dinheiro operando com 1 minicontrato – para isso, reserve R$2 mil e opere diariamente e ativamente por cerca de 3 meses. Se, após esse período, você ainda não tiver entregado esse patrimônio para o mercado, significa que é um bom gerenciador de perdas; 3. ganhar dinheiro operando um contrato – gerir perdas, embora seja o primeiro passo, ainda não é a mesma coisa que fazer dinheiro no mercado. Portanto, esse será o desafio, ainda sem uma meta financeira definida. O grande objetivo aqui é gerar algum resultado com um lote mínimo. Somente após essas três etapas o trader estará pronto para operar de forma maior.

Com essas dicas simples, já é possível estabelecer um plano de ação com os principais pontos muito bem definidos. Mas, para refinar o seu planejamento, aqui vão 5 dicas extras:

  1. Não sabote seu próprio plano – seja paciente e disciplinado com as regras que você mesmo criou, pois não há receita melhor para o fracasso do que operar sem um plano de ação.
  2. Invista em conhecimento – aqui no Portal do Trader vai encontrar uma série de cursos introdutórios e gratuitos; contudo, se você realmente deseja dar um passo adiante, junte-se ao Programa TNT (o curso de formação de traders do Portal). Nele, você vai receber todas as orientações e o passo a passo detalhado, feito por quem já passou por todas as dúvidas como trader aprendiz e como trader mentor.
  3. Tenha um trading plan detalhado por níveis de evolução – um longo processo de evolução fica mais fácil de ser conduzido se for "fatiado" em etapas, visando a uma meta específica para cada fase. Toda grande escalada deve ser feita com um degrau de cada vez, e é exatamente isso (qual degrau subir em cada momento) que orientamos dentro do TNT.
  4. Construa um bom networking – uma ferramenta de grande ajuda nesse processo é ter acesso a uma comunidade de traders na mesma vibe que você. A sintonia é algo valioso e que pode acelerar resultados através da troca de experiência e conhecimentos. Por isso, dentro do TNT são promovidos encontros presenciais, além de grupos exclusivos de whatsapp.
  5. Aprenda as técnicas em nível aprofundado – o gerenciamento de risco, resiliência emocional e disciplina são essenciais para cumprir um bom planejamento de trading; contudo, sem táticas eficientes os resultados custam a aparecer. É preciso dominar um repertório de técnicas também. Por isso, busque entender as estratégias, indo além da simples execução de um setup (procure entender a lógica por trás da operação).

Combinar essas informações para construir um plano de ação é essencial para se atingir consistência e, mais do que isso, uma vez chegando lá também ser capaz de dar manutenção a essa rotina sem trocar os pés pelas mãos. Dá algum trabalho, toma um tempo, mas vale a pena. Entendemos que é bastante difícil uma pessoa traçar seus próprios passos sem ainda nem saber como é o caminho (é como um doente tentar se automedicar sem conhecer nenhum fundamento de medicina); por isso, dentro do TNT, pegamos os alunos pela mão e guiamos a sua evolução passo a passo, rumo à consistência e aos pontos que precisam ser continuamente trabalhados após a atingir.

Esperamos que esse curso tenha esclarecido suas principais dúvidas a respeito do tema e desejamos desde já uma excelente jornada no mercado!

Conheça o Programa TNT: https://portaldotrader.com.br/programa-tnt