O que você quer aprender?

Ir

Bandas de Bollinger: o que são e qual a importância para traders

As Bandas de Bollinger foram desenvolvidas nos anos 80 e se tornaram um dos mais populares indicadores da Análise Técnica. Neste artigo ensino como funciona e em que momentos usar.

Análise Técnica Jul 08, 2021

Bandas de Bollinger: o que é esse indicador?

As Bandas de Bollinger são indicadores utilizados para medir a volatilidade do preço de uma ação, estimando o valor máximo de valorização e mínimo de desvalorização do ativo com base em sua média móvel.

Esse conceito foi criado pelo investidor americano John Bollinger no final dos anos 1980, dando seu nome às ‘Bollinger bands’ (como são conhecidas em inglês).

Para realizar suas estimativas, este indicador utiliza um desvio padrão esperado do valor da ação tanto para mais quanto para menos. Esses dois desvios nos gráficos são as chamadas bandas de Bollinger.

Pronto para melhorar suas operações? Comece nosso Curso de Análise Técnica!

Começar grátis

Para que servem as bandas de Bollinger?

Essa é uma ferramenta útil para determinar o momento de entrada e saída em uma ação para o trader.

Com ela, pode-se dizer quando o preço está favorável para compra ou venda com base na posição que os preços se encontram em relação às bandas.

Assim como na Teoria de Dow, dentro da análise técnica, há a tendência de o futuro do mercado ou de um ativo ser uma reflexão do passado.

Esta ferramenta segue um conceito semelhante em relação à expectativa do preço de uma ação.

Elas podem servir como um norteador para os investidores tanto em day trade quanto em swing trade.

Tais indicadores podem ser usados para negociar ações, criptomoedas e muitos outros tipos de ativos.

Continue aprendendo:

Bandas de Bollinger: Como funcionam?

Com as bandas de Bollinger, cria-se no gráfico do histórico de preço de uma ação uma área composta por: média móvel, banda máxima, banda mínima e o valor do ativo. É esse conjunto que irá determinar a tendência de um ativo se valorizar ou desvalorizar futuramente.

A banda máxima é também chamada de banda superior e a banda mínima é chamada de banda inferior. A média móvel é chamada de banda central.

Aliado a outras técnicas, essa ferramenta de análise de técnica permite ao investidor uma tomada de decisões respaldada em estatísticas e previsões com análise do comportamento do ativo.

É lógico que esse tipo de previsão não é 100% absoluta e algumas exceções podem acontecer com o preço em um dia saindo daquele esperado dentro das bandas, por mais completo que o trabalho de análise do histórico de preços tenha sido.

Mas, justamente por utilizarmos a média móvel, esses casos acabam sendo diluídos pelos períodos seguintes.

O valor médio nos últimos tempos costuma estar dentro da área delimitada pelas bandas entre 90% e 85% do tempo.

E é nas exceções que podemos buscar oportunidades de entradas nas operações.

Os preços extrapolam os limites das bandas em raros momentos
Os preços extrapolam os limites das bandas em raros momentos

Como interpretar as bandas de Bollinger?

Com esta ferramenta de análise, você consegue olhar para o passado de uma ação e identificar tendências de subida ou queda no preço.

Através dessa observação, baseada no princípio de Charles Dow sobre a repetição e o comportamento humano por trás da tomada de decisões, é possível se antecipar a um momento de valorização da ação para comprá-la e ter maiores ganhos no futuro.

Gosto de usá-las para operações de curto prazo, de dias ou, no máximo, semanas.

E uso exatamente a que vem calibrada nos programas gráficos: Média de móvel 20 com desvio padrão de 2 períodos.

 Plataformas gráficas tem ferramentas para a aplicação das bandas de Bollinger.
Plataformas gráficas tem ferramentas para a aplicação das bandas de Bollinger.

Identificando tendências

Para entender se deve comprar uma ação ou se deve vendê-la, o trader precisa observar a posição dos candles em relação às Bollingers e à média móvel na área dentro do gráfico.

A média móvel que utilizo é a de 20 períodos, como mostrei na imagem anterior.

Se os candles se mantêm junto da média móvel, significa que o ativo se encontra numa lateralização ou congestão.

Não vejo grandes oportunidades, a não ser que a volatilidade diminua bastante e as bandas se aproximem. Neste caso, pode ocorrer o que batizei de setup Boca de Jacaré.

As bandas juntas significam diminuição da volatilidade, com algum fato para sair. Pode ser uma medida do governo, um boato sobre fusão, um pronunciamento, um indicador da economia etc.

Enquanto o fato não acontece, os investidores preferem aguardar. Após ocorrer, normalmente há uma aceleração na variação dos preços, seja para cima ou para baixo.

Ponto onde as bandas estão mais próximas em baixa volatilidade, na chamada ‘boca de jacaré’.
Ponto onde as bandas estão mais próximas em baixa volatilidade, na chamada ‘boca de jacaré’.

Uma forma bem simples de seguir tendências é comprar quando os preços (candles) rompem a banda central (MM20).

O momento de sair da operação poderia ser ao encostar na banda superior e mostrar algum sinal de baixa, como um candle vermelho.

Histórico de preços de um ativo em momento de maior volatilidade.
Histórico de preços de um ativo em momento de maior volatilidade.

Alguns traders preferem operar contra a tendência. Se o valor do ativo está próximo da banda superior e a volatilidade é alta, então estima-se que já foi atingido o máximo de valorização e o preço deve cair.

Ao mesmo tempo, se o ativo chegou mais próximo à banda mínima logo pode-se concluir que já desvalorizou demais e tende a subir de preço a partir daí.

Quais os cálculos envolvidos das bandas de Bollinger?

Quando se trata destes famosos indicadores o cálculo é um fator importante para garantir que sua análise e previsão estão bem embasadas e irão lhe dar o melhor resultado.

Para calcular tanto a média móvel quanto as bandas máxima e mínima, primeiro é preciso determinar uma faixa de tempo.

Você precisa decidir se irá utilizar o período dos últimos 5, 10, 20, 30 dias ou mais para determinar as bandas e a média.

Imagine que os preços de fechamento dos últimos 5 dias foram de 4,00 / 4,50 / 5,00 / 5,50 / 6,00. A média é calculada somando os cinco fechamentos e dividindo por cinco. Portanto, a média seria R$ 5,00.

E se trata de móvel porque ao entrar um novo dia se exclui o primeiro da série de cinco dias. Se os fechamentos forem cada vez mais altos esta média móvel irá subir, claro.

Depois de feito isso, a banda máxima será colocada em um ponto igual à média móvel somada ao valor do desvio padrão multiplicado por dois.

Já a banda mínima ficará, no gráfico, em uma posição igual à média móvel subtraída pelo dobro do desvio padrão. Em fórmulas, ficaria assim:

  • Banda máxima = média móvel + (2 x desvio padrão)
  • Banda mínima = média móvel - (2 x desvio padrão)

Pode parecer complexo, mas qualquer plataforma gráfica já calcula automaticamente e insere as bandas no parâmetro que você quiser.

O importante é entender o conceito de média móvel e desvio padrão.

Qual a importância das bandas de Bollinger para traders?

Os traders conseguem utilizar esse indicador de modo similar ao conceito de suporte e resistência identificado em tradings como o de price action.

Semelhante a esse tipo de operação, aqui o único fator de decisão é o histórico de preços da ação.

Bateu na Bollinger inferior e começou a subir, pode ser um sinal de compra. Bateu na Bollinger superior e começou a cair, pode ser um sinal de venda.

Um investidor pode usar o cálculo da média móvel, desvios padrões e bandas máxima e mínima para se orientar e determinar o momento de entrada e saída em um ativo.

De fato, muitos analistas de investimentos se baseiam neste indicador para decidir o momento em que deve agir, utilizando a banda mínima como linha de suporte para a desvalorização do ativo e a banda máxima como linha de resistência para valorização.

Ou seja, a ideia válida aqui é a mesma do princípio comprar no fundo e vender no topo do gráfico.

Se uma ação está em queda, mas atingiu a banda mínima pode ser hora de comprá-la, e se está em alta mas atingiu a banda máxima pode ser o momento de vendê-la.

Quais as vantagens em utilizar as bandas de Bollinger para suas operações?

Utilizando-as, o investidor consegue ter uma estimativa mais segura sobre o comportamento esperado de uma ação.

Para um ativo que já está na sua carteira, é possível ter calma ao observar uma queda de preço caso a variação esteja dentro do esperado pelas bandas.

Esse fator de segurança é importante para o lado psicológico do trader, que é um aspecto muito valioso, porém pouco divulgado quando o assunto é a tomada de decisões.

Caso esteja desesperado ao perceber uma queda no preço de um ativo, um investidor que não tem essa calma para lidar com a situação pode entrar em pânico e vender no momento errado.

Ou, pelo contrário, pode se empolgar demais com uma valorização e vender cedo demais, desperdiçando a chance de ganhar mais.

Quem tem esse respaldo nas previsões que as bandas de Bollinger dão ao gráfico e à análise pode identificar quando uma variação de preço está dentro do desvio padrão e já era esperada, não tomando decisões precipitadas na compra ou venda de ativos.

Como usar as bandas de Bollinger no momento de traçar estratégias de investimento

A estratégia para melhor utilizar as bandas de Bollinger segue a mesma ideia de “comprar no fundo e vender no topo” que falei anteriormente.

Ou seja, com os gráficos sobre o histórico de preços em mão, você deve identificar os fundos para realizar as compras (quando o preço chega na banda inferior) e os topos para realizar as vendas (quando o preço chega na banda superior).

Outra coisa a se observar, como descrito antes, é quando ocorre o estreitamento entre a banda máxima e mínima.

Isso acontece quando o preço de uma ação tem uma variação pequena por um certo período de tempo e quando o mercado está em baixa volatilidade.

Nesse caso, como diz o velho ditado, a calmaria antecede a tempestade. Momentos de baixa volatilidade e bandas estreitas por muito tempo significam que o próximo movimento da ação será mais brusco, tendendo tanto para cima (valorização) quanto para baixo (desvalorização).

Várias oportunidades: Boca de Jacaré, venda ao bater na BB superior e compra ao bater na BB inferior.
Várias oportunidades: Boca de Jacaré, venda ao bater na BB superior e compra ao bater na BB inferior.

Conclusão

As Bandas de Bollinger são uma ferramenta muito importante para traders, mas exigem experiência e dedicação em estudos para poderem ser mais bem utilizadas. É preciso ficar horas e mais horas em frente a gráficos até você conseguir realmente compreendê-los e identificar os padrões.

Para tirar o máximo proveito dessa técnica e tomar as melhores decisões em seus dias de trading, recomendo muito estudo desta famosa ferramenta de análise e utilização de simuladores para saber como agir diante da variação dos preços.

Inclusive, aqui no Portal do Trader nós oferecemos um curso gratuito de Análise Técnica que vai lhe ensinar sobre conceitos complementares aos que você aprendeu neste texto!

Com ele, você aprenderá mais formas de estudar a movimentação de preços para saber quando deve comprar ou vender uma ação e ter melhores resultados.

Além dele, confira também outros cursos que disponibilizamos na área Aprenda do portal, além dos conteúdos em nosso blog e lives na área Ao Vivo para se tornar um trader ainda melhor.

Até a próxima e ótimos trades!


Categorias

Marcos Moore

Marcos Moore é trader desde 2004, empresário e foi sócio-diretor da XP. É também autor de livros sobre o mercado.

Espero que você aprenda com esse artigo.

Logo Plano TNT

QUAL SEU PLANO PARA OBTER CONSISTÊNCIA NO TRADING?

QUERO COMEÇAR O PLANO TNT

Por que milhares de traders frequentam o Portal diariamente?

Especialistas e Traders Profissionais reconhecidos no mercado e com mais de 10 anos de experiência. Esse é o time que elabora nosso conteúdo.

Plataforma de E-learning EAD completa com centenas de vídeos gratuitos, artigos, perguntas de fixação e discussão.

Comunidade de Traders e Investidores que enfrenta os mesmos desafios que você e está sempre disponível para ajudar todos os dias.

Análise Técnica, Price Action, Tape Reading, Fundamentalista e mais. Acreditamos na diversidade de técnicas para cada aluno encontrar o seu caminho.

Day Trade, Swing Trade, Position e Alocação de Carteiras. Aprenda técnicas para operar cada modalidade de acordo com seus objetivos.

Dólar, Índice, Ações, Opções, Forex e até Bitcoin. Nosso conteúdo educacional engloba todos os principais ativos do mercado.

Comece seus cursos gratuitos


Quais são as vantagens em fazer parte do Portal do Trader?

  • Aumente suas chances de sucesso na Bolsa de Valores com nossa metodologia proprietária.
  • Fuja das armadilhas e não perca dinheiro com erros básicos no mercado. Nossa proposta é séria, sem promessas milagrosas.
  • Aprenda as melhores estratégias utilizadas por investidores e traders profissionais através de um sistema educacional completo.
  • Converse com outros traders e investidores em todos os nossos canais.
  • Aulas, Transmissões, Notícias e Calendário Econônico Ao Vivo todos os dias.