O que você quer aprender?

Ir

Slippage: Entenda o Que é E Quais as Melhores Formas de Evitar

Neste post você vai descobrir o que é o slippage, como ele prejudica os resultados do trader e quais são as melhores formas de lidar com essa questão.

Day Trade Ago 20, 2021

Afinal, o que é slippage?

O Slippage é a diferença entre o que você acha que está pagando por um ativo e o preço que ele realmente foi executado.

Em tradução literal, quando um ele acontece, isso significa que houve uma “escorregada ou derrapagem no preço do ativo”.

Esse fenômeno pode acontecer em todos os tipos de mercados, seja ações, derivativos, criptomoedas, forex…

Mas ele afeta principalmente as operações de day trade por conta da  alta frequência de execuções e das ordens muito alavancadas.

Aprenda técnicas para operar diversos ativos através dos cursos gratuitos do Portal do Trader. Comece agora nosso exclusivo curso de investimento em ações grátis.

Entenda como funciona o slippage

Esse evento  ocorre em microssegundos, e pode afetar suas operações.
Esse evento ocorre em microssegundos, e pode afetar suas operações.

Na prática, ele ocorre quando há uma mudança no spread - diferença de preço entre a compra e a venda - da operação.

Para que o slippage aconteça, essa mudança precisa acontecer em um intervalo de microssegundos entre o momento em que o trader aperta enter em sua plataforma e manda a ordem ao mercado e o momento em que esta ordem de fato chega ao mercado para ser executada.

Antes de te mostrar um exemplo na prática, é importante lembrar que isso não é um evento da bolsa de valores, na realidade o slippage pode acontecer de maneira individual.

Então, duas pessoas podem estar operando o mesmo ativo, no mesmo dia e apenas uma delas poderá sofrer com esse evento, a depender do momento em que sua ordem foi lançada ao mercado.

Dito isso, também é bom enfatizar que o slippage nem sempre será ruim, ou seja, esse "escorregão'' pode causar um prejuízo ao trader - e é geralmente o que acontece - mas também pode aumentar o lucro dependendo da situação.

Antes de continuar, é fundamental que você entenda o que é o book de ofertas.

O que é Livro de Ofertas?

O Livro de Ofertas é um dos ambientes mais importantes para o trader.
O Livro de Ofertas é um dos ambientes mais importantes para o trader.

O Livro de ofertas ou Book de ofertas é o local onde os operadores do mercado posicionam suas ofertas de compra e venda, assim como também visualizam as ofertas de outros participantes - como bancos e corretoras.

Ele possibilita que o investidor veja a melhor oferta de compra e venda e, consequentemente, o spread da operação no momento.

E ele recebeu esse nome pois na época do “pregão viva-voz” os registros de ofertas eram todos feitos a mão em um livro.

Hoje, através dos benefícios da tecnologia todo esse processo é feito de maneira automática e as informações podem ser consultadas com maior agilidade através de um home broker ou plataforma de negociação.

Sempre que uma ordem é ofertada no mercado ela automaticamente aparece no book  e permanece lá até que seja executada ou cancelada.

Agora, quando grandes volumes são lançados “a mercado”, consumindo essas ofertas do book, é muito mais provável que um slippage ocorra, pois isso gera volatilidade.

Para ficar mais claro, vamos a um exemplo prático de como funciona.

Exemplo de slippage

Esse “escorregão” pode ocorrer de maneira inesperada, e te trazer um prejuízo que não estava planejado.
Esse “escorregão” pode ocorrer de maneira inesperada, e te trazer um prejuízo que não estava planejado.

Digamos que você está querendo realizar uma operação no mini dólar (WDO) e verifica que o mesmo está negociando com compra a 5201,0 e venda a 5201,5.

Nesse momento você envia uma ordem de compra a mercado, que teoricamente deveria ser executada a 5201,5.

Porém, ao se deparar com as informações da operação que foi executada em sua lista de ordens, percebe que comprou a 5202, que é um valor mais caro do que pretendia.

Pode até parecer banal, visto que a diferença em um primeiro momento não é tão grande. Mas no fim das contas, se o mini dólar se mover em 0,5 ponto isso já representa uma diferença de R$5 por mini contrato.

Então, não negligencie esse fator e fique atento as dicas que vou passar adiante para amenizar o risco de um slippage.

Quais as consequências de um slippage?

Suas consequências dependem do tipo de operação que você faz. Quanto maiores e mais complexas, maior pode ser o prejuízo.
Suas consequências dependem do tipo de operação que você faz. Quanto maiores e mais complexas, maior pode ser o prejuízo. 

A principal consequência é ter sua operação executada por um preço maior do que o desejado.

Se você é uma pessoa que realiza apenas operações simples de compra e venda de ações, pode ser que o slippage não faça tanta diferença.

O problema está em operações que envolvem um lote grande, uma frequência alta e/ou que exige uma alta precisão para se obter lucro.

Para ter uma noção mais clara, tome as operações de arbitragem, por exemplo. Elas envolvem a compra de um ativo e venda de outro visando um prêmio pela diferença de preço entre eles - também chamado de spread - nessas operações as variações são muito pequenas e qualquer “escorregão” que acontecer no preço pode ser o ponto chave entre conseguir lucro e amargar um belo prejuízo.

Principais motivos de um slippage

Volatilidade

A alta volatilidade do mercado pode ocasionar esse evento.
A alta volatilidade do mercado pode ocasionar esse evento.

O slippage costuma acontecer com mais frequência em momentos muito voláteis, pois nessas ocasiões muitas ordens são disparadas e executadas ao mesmo tempo e isso faz com que a variação dos preços seja maior e mais rápida.

Alguns ativos são por natureza mais voláteis do que outros, isso significa que eles oscilam muito em um curto espaço de tempo e isso pode provocar diferenças entre o preço que a operação deveria ser executada e o preço que ela é executada de fato.

Ou seja, a volatilidade alta pode favorecer a ocorrência deste fenômeno.

Entretanto, acontecimentos políticos, econômicos e até balanços internos das empresas podem contribuir para aumentar a volatilidade dos ativos, por isso é sempre bom ficar de olho no calendário de notícias do dia.

Baixa liquidez

A baixa liquidez de alguns ativos pode ser outro motivo para causar tal diferença no spread.
A baixa liquidez de alguns ativos pode ser outro motivo para causar tal diferença no spread.

Ativos com baixa liquidez são mais suscetíveis a um slippage por motivo de que um número menor de ordens executadas no mercado já é responsável por mudanças no preço.

Em resumo, a liquidez é a quantidade de ofertas que um ativo tem à disposição no mercado. Logo, um ativo muito líquido possui muitas ordens em diversos níveis de preço.

Um ativo também pode ser mais líquido em um determinado momento do dia e menos líquido em outro, como é o caso do mini dólar (WDO).

Na parte da manhã geralmente o número de negócios é bem maior se comparado com os que acontecem à tarde (exceto em dias que há algum evento na agenda ou uma ocorrência surpresa).

Sempre que for realizar operações - principalmente de day trade - fique atento e prefira ativos líquidos para não ter problemas indesejáveis na hora de abrir uma operação e na hora de encerrá-la.

Lentidão na execução

Essa lentidão pode acontecer por conta de diversos fatores: atraso na execução por problemas no sistema da bolsa de valores, problemas no sistema da corretora, instabilidade na plataforma de operações, problemas com a máquina do operador ou ainda uma conexão instável de internet - esses dois últimos são os mais comuns.

Tome sempre cuidado e verifique se o consumo de memória e CPU de sua máquina não estão no limite.

Além disso, certifique-se de que seu computador não está passando por nenhum processo de atualização enquanto você opera, pois pode ser motivo de lentidão também.

Se mesmo assim você sentir que o seu sistema não está funcionando como deveria, avalie a possibilidade de realizar um upgrade.

Para casos de conexão com a internet, priorize sempre uma conexão via cabo - evite operar via wi-fi - pois assim você poderá utilizar a potência máxima da sua rede.

Caso tenha dúvidas se sua conexão está boa, existem diversos sites que realizam testes de conexão com a internet, e você pode conferir como está a sua antes de realizar a operação.

Fato Relevante

Como tudo, o mercado também é diretamente afetado pelas notícias e fatos relevantes.
Como tudo, o mercado também é diretamente afetado pelas notícias e fatos relevantes.

As notícias e acontecimentos do mercado sempre costumam afetar o preço dos ativos no curto prazo e, em momentos como esse - quando a euforia do mercado está muito alta - é comum ver slippages acontecendo, pois existem muitas ordens sendo lançadas ao mesmo tempo e geralmente nesses momentos a maioria das ordens é feita de apenas um lado do book (compra ou venda).

Em alguns minutos, horas, ou até dias, as ofertas tendem a estabilizar e a voltar em seu ritmo comum, porém no momento em que as notícias vêm a público, o investidor deve ficar muito atento para não sofrer um slippage.

É por isso que eu sempre recomendo em meu instagram que os traders fiquem sempre de olho nas notícias e acontecimentos do dia.

Para auxiliar a todos, todos os dias aqui no Portal do Trader nossos professores operam de forma ao vivo e comentada com todos que estão acompanhando, também nesse espaço existe um chat onde é possível tirar dúvidas em tempo real.

Podemos dizer que os maiores causadores desse “escorregão”, contudo, são as salas de sinais e o uso exagerado de robôs e afins, o que acaba gerando um grande fluxo de pessoas tentando entrar no mesmo preço simultaneamente.

Tais eventos podem acabar gerando uma mudança instantânea no spread, e afetando diversos traders.

Então, existem formas de evitar um slippage?

Existem sim formas de amenizar e mitigar o risco de um slippage, mas mesmo tomando os devidos cuidados pode ser que eventualmente ainda aconteça.

Vale lembrar que o problema não é sofrer um slippage e sim sofrer isso com frequência ou em alta escala.

Porém, como prometido, vamos às dicas de como evitar que isso aconteça.

Ativos com grande liquidez

A alta liquidez de um ativo pode ser uma boa característica para evitar esse fenômeno.
A alta liquidez de um ativo pode ser uma boa característica para evitar esse fenômeno.

Operar ativos com grande volume de negociação talvez seja a melhor forma de evitar slippages, pois nesses casos sempre existe muita força do lado da compra e muita força na venda, logo, a chance de que sua ordem seja executada imediatamente pelo preço desejado aumenta muito.

É por esse motivo que os ativos de grande liquidez - como é o caso dos mini contratos - são os mais recomendados para operações de day trade.

Mas vale lembrar que esses ativos não estão isentos do risco, eles apenas diminuem a chance de um fenômeno desse acontecer.

Evitar momentos de alta volatilidade

Como já citado anteriormente os momentos de publicação de dados importantes na agenda macroeconômica tendem a aumentar a volatilidade do mercado, dito isso é recomendado que o trader evite operar - ou opere com mais cautela - em momentos como este.

Para isso, é de extrema importância que o investidor tenha um momento de preparação antes da abertura do mercado, para assim olhar todos os eventos do dia e se preparar para a abertura.

Todos os dias às 8:50 na área de trade ao vivo do Portal do Trader você pode acompanhar o call matinal e ficar por dentro de todos os fatos que poderão aumentar a volatilidade do mercado.

Lotes pequenos

A negociação de lotes menores pode ser uma boa estratégia para evitar possíveis perdas.
A negociação de lotes menores pode ser uma boa estratégia para evitar possíveis perdas.

A execução de lotes grandes em muitos casos interfere na distorção do preço de um ativo e isso favorece o slippage - principalmente se o ativo não tiver boa liquidez.

Por isso, ao invés de executar uma única ordem grande, prefira fracionar em ordens menores e também avalie se o ativo está com liquidez o bastante conforme mencionado no há 2 tópicos atrás.

Frequência menor de operações

A frequência de operações que você realiza pode ser um fator que favorece a ocorrência desse fenômeno.
A frequência de operações que você realiza pode ser um fator que favorece a ocorrência desse fenômeno.

Além dos pontos já mencionados, tome cuidado com a frequência de operações que você realiza.

Digo isso pois, caso você opere com uma frequência muito alta, grandes volumes de negociação podem ser gerados.

Isto, por sua vez, pode impactar diretamente os preços, aumentando a probabilidade de ocorrer um slippage.

Se você realizar execuções consecutivas e tomar muitos escorregões no preço de compra em um ativo como o mini dólar, por exemplo, ao final do mês esse prejuízo dos slippages poderá se tornar um grande peso no seu resultado final.

Estratégias automatizadas

Estratégias automatizadas permitem uma maior agilidade, afinal, os algoritmos não hesitam como nós humanos, além de serem muito ágeis.

Você pode junto a sua corretora ou plataforma de negociação, travar stops e posicionar um preço limite de venda, com isso, se as suas ordens não forem executadas no preço que você enviou ao book, elas podem ficar posicionadas esperando que o preço volte ao desejado.

Porém, vale lembrar que ao utilizar essa estratégia, o preço do ativo pode “ir embora” e você ficará com um prejuízo ainda maior. Tenha sempre cautela, e opere com sabedoria.

Eu particularmente procuro automatizar alguns processos simples - como a execução dos stops - justamente para evitar o slippage.

Conexão estável

É fundamental que na hora de operar sua conexão com a internet esteja estável a fim de evitar atrasos no envio das ordens.

Porém, muitos confundem estabilidade com tamanho da banda de internet - para o trader a estabilidade da conexão é muito mais importante do que velocidade.

Então, procure sempre utilizar a internet via cabo - de preferência fibra óptica - evite as conexões sem fio (Wi-Fi) para assim diminuir a latência de sua conexão - Tempo entre uma informação sair do seu computador e chegar ao destino. O ideal é que seu Ping esteja menor que 50ms.

Na dúvida, faça um teste com sua internet para saber como está a latência do servidor - também chamada de lag. Existem diversos sites que realizam esses testes, entre eles o Speed Test.  

RLP

O Retail Liquidity Provider (RLP) é um mecanismo que permite a corretora ser a contraparte nas negociações de operadores pessoa física. Esse sistema foi criado com a intenção de melhorar a liquidez para as ordens de compra e venda de seus clientes, pequenos investidores.

Vale destacar que o RLP não é próprio da B3 e sim da corretora, isso significa que para utilizá-lo você precisa ativar esse mecanismo na sua corretora ou banco.

Na prática, para as ordens RLP, a corretora pode executar operações no melhor preço, mas sem a necessidade de posicionar o lote no book de ofertas.

Então, é como se a instituição pudesse “furar a fila” do book e ser executada antes da 1ª ordem colocada.

Exemplo do uso do RLP na prática.
Exemplo do uso do RLP na prática.

Nesse momento você pode estar se perguntando se vale ou não a pena aderir à RLP.

E na minha opinião, a resposta é que sim, vale a pena. Digo isso pois, com a RLP ativada, você terá maior liquidez em suas operações, e a única desvantagem é que, no momento de efetuar a compra de um ativo, as corretoras que utilizam tal mecanismo podem “saltar a sua frente” e comprar antes de você.

Entretanto, é bom lembrar que isso ocorre mesmo se o seu RLP estiver desativado. Na prática, não irá fazer tanta diferença assim se você não é uma pessoa que opera com muitos contratos ou muitas ações.

Conclusão

Apesar de ser um conceito relativamente simples, o slippage não pode ser negligenciado, pois ao final de um ciclo de operações ele pode se tornar um prejuízo considerável para você.

Porém, ele faz parte da vida do operador e é necessário tomar os devidos cuidados para diminuir a sua ocorrência, dado que ele não pode ser completamente eliminado.

Por isso, além de seguir todas as dicas deste artigo, é fundamental que você tenha o conhecimento adequado das estratégias e dos ativos, a fim de evitar que o slippage se torne um dreno nos seus resultados.

Dito isso, separei um treinamento completo e gratuito para servir de base em toda sua jornada como trader.

Aproveite, pois esse conhecimento te dará todas as ferramentas para que você se torne um trader com resultados consistentes!

Acesse nosso Curso Day Trade 100% gratuito e aprenda como se tornar um Day Trader Profissional com um dos maiores especialistas do mercado, Caio Sasaki!

Categorias

Caio Sasaki

Especialista em Fluxo e Tape Reading e uma das maiores referências do mundo trader no Brasil.

Espero que você aprenda com esse artigo.

Logo Plano TNT

QUAL SEU PLANO PARA OBTER CONSISTÊNCIA NO TRADING?

QUERO COMEÇAR O PLANO TNT

Por que milhares de traders frequentam o Portal diariamente?

Especialistas e Traders Profissionais reconhecidos no mercado e com mais de 10 anos de experiência. Esse é o time que elabora nosso conteúdo.

Plataforma de E-learning EAD completa com centenas de vídeos gratuitos, artigos, perguntas de fixação e discussão.

Comunidade de Traders e Investidores que enfrenta os mesmos desafios que você e está sempre disponível para ajudar todos os dias.

Análise Técnica, Price Action, Tape Reading, Fundamentalista e mais. Acreditamos na diversidade de técnicas para cada aluno encontrar o seu caminho.

Day Trade, Swing Trade, Position e Alocação de Carteiras. Aprenda técnicas para operar cada modalidade de acordo com seus objetivos.

Dólar, Índice, Ações, Opções, Forex e até Bitcoin. Nosso conteúdo educacional engloba todos os principais ativos do mercado.

Comece seus cursos gratuitos


Quais são as vantagens em fazer parte do Portal do Trader?

  • Aumente suas chances de sucesso na Bolsa de Valores com nossa metodologia proprietária.
  • Fuja das armadilhas e não perca dinheiro com erros básicos no mercado. Nossa proposta é séria, sem promessas milagrosas.
  • Aprenda as melhores estratégias utilizadas por investidores e traders profissionais através de um sistema educacional completo.
  • Converse com outros traders e investidores em todos os nossos canais.
  • Aulas, Transmissões, Notícias e Calendário Econônico Ao Vivo todos os dias.