Entre as estratégias mais difundidas de trading, as operações de suportes e resistência estão entre as preferidas. Isso se deve ao fato de que suportes e resistências são pontos de reversão facilmente detectáveis em um gráfico. A informação é visual – você olha e vê com certa facilidade as regiões onde o preço enrosca.

No entanto, como nem tudo é eterno, chega o momento em que o preço precisa andar e aqueles suportes e resistências serão rompidos.

O trading de rompimento é bastante desafiador justamente porque ele quebra um padrão histórico, ou seja, uma determinada região de preços onde a maioria dos traders sente-se confortável.

Mas, se olharmos atentamente para o gráfico, veremos que existem várias regiões de suporte e resistência, como se fossem os andares de um edifício.

A tendência natural do preço, uma vez rompida uma região de suporte ou resistência, é buscar a próxima região. Assim, se resistênciarompe uma , ela tende a se transformar em suporte e vice-versa. Imagine então, para ficarmos no exemplo do edifício, que o suporte seja uma espécie de chão e a resistência seja um teto. No edifício dos preços, todas as vezes que o teto é rompido, ele vira chão e a tendência do preço é buscar o teto para tentar rompê-lo. Ccaso o preço esteja em tendência de baixa , este tentará romper o chão para poder ir ao andar de baixo em busca de um novo chão ou suporte.

Entre teto e chão, ou resistência e suporte, o preço caminha obedecendo ao conhecido padrão zig-zag.  s vezes fica de lado, as vezes volta para o lugar de onde veio e tenta subir de novo até que chega o momento em que consegue romper os limites e alcançar novos patamares de preço.

Tudo isso para dizer que os trades de rompimento estão entre os mais lucrativos que se pode obter. Isto porque a distância entre suportes e resistências costuma ser grande e o trader que souber operar esses rompimentos será capaz de obter ótimos lucros em suas operações.